Lee Kerslake: ex-Ozzy e Uriah Heep está próximo da morte
12/12/2018 09:30 em Música

Lee Kerslake, baterista conhecido por ter tocado no Uriah Heep de 1971 a 2007 e que permaneu com Ozzy durante um pequeno intervalo entre 1979 e 1981 concedeu uma entrevista reveladora a Jimmy Kay, do The Metal Voice. Os trechos a seguir foram transcritos pelos sites SleazeRoxx e MetalAddicts.

VÍDEO COMPLETO AQUI (em inglês)

Durante o bate-papo, Lee Kerslake contou que está com câncer, iniciado na próstata, mas já espalhado para o restante do corpo, e que seu médico lhe deu apenas oito meses de vida. O músico também revelou, sem entrar em detalhes, que está praticamente falido desde que precisou enfrentar Ozzy e Sharon Osbourne na justiça. 

A ação judicial a qual Lee Kerslake se refere é, possivelmente, sobre o pedido de royalties e créditos de composição por suas contribuições nos álbuns "Blizzard Of Ozz" (1980) e "Diary Of A Madman" (1981). O processo foi movido em 1998 junto do baixista Bob Daisley, que também reivindicava a autoria do material, contra Ozzy e Sharon Osbourne. Em função disso, o relançamento dos dois álbuns teve de ter o baixo e a bateria regravados por Robert Trujillo e Mike Bordin, respectivamente.

Ele ainda completa; "É câncer de próstata, mas se espalhou para o restante do meu corpo e, agora, tenho câncer nos ossos - que é um tipo complicado. Então, o médico me deu cerca de oito meses de vida. No entanto, estou lutando como posso", afirmou.

Em 2019 o baterista lança um álbum solo chamado "Eleventeen" Ee diz estar correndo contra o tempo para concluir um documentário autobiográfico. Outros detalhes sobre a produção não foram revelados.

COMENTÁRIOS